Aqueduto das Águas Livres, Lisboa

Se passar por este monumento certamente que não ficará indiferente, descubra a história e função do Aqueduto das Águas Livres, em Lisboa.

Aqueduto das Águas Livres, Lisboa, Portugal
Aqueduto das Águas Livres ©Celestino Manuel

Este enorme monumento de grandes arcadas próximo de Alcântara é, na verdade, um grande complexo de captação e distribuição de água desde Belas, perto de Sintra.

O aqueduto foi construído (1740 e 1748) por D. João V, sobre um antigo sistema de captação de águas romano, com o objectivo de captar e transportar água potável até à cidade de Lisboa. Após concluída a construção do aqueduto construiram-se dezenas de chafarizes por toda a cidade.

Durante alguns anos o caminho público pelo aqueduto foi proibido essencialmente devido aos famosos crimes praticados por Diogo Alves que roubava as vítimas e de seguida as atirava dos arcos do Aqueduto, simulando o seu suicídio. Diogo Alves foi também o último condenado à morte na História de Portugal.

O aqueduto foi desativado em 1968 sendo que é possível, ainda hoje, realizar visitas guiadas pela arcaria.

Mais informações:

Localização:

Vale de Alcântara, Lisboa

Hotéis perto deste lugar:

Mapa Interativo:

Lisboa

O Que ver:

O que fazer:

Transfer e Taxi

Descubra as nossas ofertas de Transfer em Portugal.

Aeroporto de Porto
Aeroporto de Lisboa
Aeroporto de Faro

Hotéis

Ver hotéis nas diferentes povoações de Portugal:

Voos:

Compare voos baratos e teus reservar com antecedência para poupar dinheiro.

Aluguer de Carro

Encontre o melhor negócio em locação de veículos para as suas férias:


Copyright FeriasEmPortugal.com © - Todos os direitos reservados.