Portalegre, Portugal

Conhece a animada cidade de Portalegre e seus arredores, no Alto Alentejo, Portugal.

Portalegre, Portugal
Portalegre, Portugal
© Celestino Manuel

Portalegre foi uma fortaleza situada estrategicamente junto à fronteira com Espanha, a apenas 74 quilómetros de Badajoz, que prosperou como cidade a partir do Renascimento. Prova disso são os bonitos edifícios barrocos do seu centro histórico, resultando num lugar muito agradável para passear.

 

Catedral de Portalegre
Catedral de Portalegre
© Celestino Manuel
Ruas de Portalegre
Ruas de Portalegre
© Celestino Manuel

Na atualidade, esta animada urbe do Norte Alentejano tem cerca de 16 mil habitantes e se assenta sobre campos, oliveiras e uma extensa planície, mesmo aos pés da Serra de São Mamede, o que a torna num excelente ponto de partida para realizar numerosas excursões.

Dentro das suas muralhas existem sombrias mansões barrocas, vestígio do auge da indústria de manufatura da transformação da seda. Indústria que fracassou a pique em 1703, quando o tratado de Methuen introduziu a concorrência inglesa, sem dúvida, hoje em dia Portalegre permanece fiel ao seu legado de tecidos elegantes, conservando inclusivé uma fábrica que produz magníficos tapetes de obras de artistas famosos, e um extraordinário museu que mostra esses trabalhos.

O centro nevrálgico da cidade é o Rossio, uma grande praça com a Manufatura de Tapeçarias instalada no antigo colégio dos jesuítas, onde podes ver os trabalhos em tecido. No Rossio também se encontram a Igreja da Misericórdia (século XVIII) e a Igreja do Espírito Santo (século XIV a XVIII).

Num plano inferior, um pouco além do mercado, se ergue o Mosteiro de São Bernardo com um majestoso mausóleo, uma igreja revestida de azulejos de 1739 e portada renascentista, e dois claustros visitáveis, um renascentista, de duas ordens, e outro gótico manuelino.

Os monumentos principais da cidade encontram-se na parte alta da encosta. Do Castelo conserva-se a torre de menagem, parte da praça de armas e duas torres unidas por fortificações com ameias, a partir de onde obterás uma maravilhosa vista sobre a Catedral (século XVI), de estilo renascentista, com fachada posterior maneirista, três portais barrocos e um interior interessante.

À direita da catedral encontra-se o Museu da Cidade, que apresenta uma das colecções de cerâmica mais valiosas do país.

Ao lado da muralha, surge o Palácio Amarelo (século XVII) que acolhe o Museu da Tapeçaria Gue Fino, onde se expõe uma coleção de tapetes portugueses.

Nas imediações da catedral também se destacam a Câmara Municipal (século XVIII), a casa solarenga dos Ataídes (século XVII) e o Convento de Santa Clara.

Após passeares pela rua do Comércio podes sair do recinto amuralhado pela Portas de Alegrett (século XIV), que comunica com a Praça da República, junto à qual se encontra o Museu José Régio com uma extensa coleção de crucifixos dos séculos XVI a XIX e estatuetas populares de Santo António.

Nas imediações da cidade encontra-se o Parque Natural da Serra de São Mamede, dominado na parte Norte por bosques de carvalhos e castanheiros, e com o Pico de São Mamede (1.027 m) no seu pico.

Nos arredores também vale a pena visitar o Crato (a 23 quilómetros a Este), Alter do Chão (a 29 quilómetros na direção Sudeste) e Monforte (a 27 quilómetros a Sul).

Hotéis perto deste lugar:

Mapa Interativo:

Transfer e Taxi

Descubra as nossas ofertas de Transfer em Portugal.

Aeroporto de Porto
Aeroporto de Lisboa
Aeroporto de Faro

Hotéis

Ver hotéis nas diferentes povoações de Portugal:

Voos:

Compare voos baratos e teus reservar com antecedência para poupar dinheiro.

Aluguer de Carro

Encontre o melhor negócio em locação de veículos para as suas férias:


Copyright FeriasEmPortugal.com © - Todos os direitos reservados.